Radio Utopia Player

Wake Salinas

OS RADICAIS DO ALGARVE

João Pinguinha e Pedro Machado mentores do Wake Salinas, estiveram à conversa com a Utopia e contaram-nos tudo acerca deste fantástico projeto que desenvolvem na cidade de Lagos.

Rádio Utopia: Como surgiu este projeto?
João: Este era um projeto que o Pedro já tinha em gaveta à já alguns, acontece que depois de eu ser pai e vir frequentemente para Lagos passar ferias assim como o Pedro que vinha comigo várias vezes, decidimos abrir o Wake Salinas. O Wake Salinas foi desde logo considerado um projeto de interesse nacional, o que foi para nós uma grande surpresa, pois ninguém sabia o que podia ser o wakebord em Lagos.
RU: Pedro o João disse que já tinhas este projeto em mente à já bastante Tempo, mas como é que ele te surgiu?
Pedro: Acho que foi algo natural, todo o meu passado esteve ligado a desportos de acção, comecei pelo bodybord, snowbord etc, pelo que foi uma evolução natural. No que diz respeito a esta ideia surgiu em 2008 quando comecei a fazer wakebord atrás de um barco, entretanto tive contato com um parque semelhante a este um cable park, e achei que fazia todo o sentido.
RU: Embora no Algarve esta modalidade seja uma novidade no norte da europa é um dos desportos de eleição.
Pedro: Sim o numero um mundial neste desporto é a Alemanha que tem mais de cento e quarenta cable parques, mesmo Espanha já tem uma grande atividade, no caso de Portugal há três parques sendo que o Wake Salinas é o único a sul do Porto.


RU: Como é que se pode descrever a experiencia de praticar este desporto pela primeira vez?
João: È uma experiencia muito engraçada, principalmente para quem está a ensinar ver a evolução da pessoa em cerca de quinze minutos. As pessoas saem sempre muito felizes, pois conseguem abstrair-se de todo, para além disso é um desporto que pode ser feito por pessoas de todas as idades.
RU: Embora seja um desporto radical, pode ser feito quase dos oito aos oitenta?
Pedro: Sim temos vários casos de miúdos muito jovens e também de pessoas com alguma idade e chegam aqui e nós conseguimos polas a andar o que é gratificante.
RU: Não só do wakebord se faz o Wake Salinas, vocês têm mais para oferecer neste espaço.
João: Sim, o Wake Salinas é também composto por um bar que serve comidas frescas e saudáveis e uma Pró-Store loja que vende material de wakebord. Este ano vamos fazer alguns sunset parties.
RU: Querem deixar algum desafio a quem vai ler e ouvir a entrevista.
Pedro: É virem e ter uma experiencia diferente e conhecer o que é o wakebord e o Wake Salinas.

Ver o vídeo

Apoie a Rádio Utopia.

Valor:
Go to top