Radio Utopia Player

Novo circo para passar o ano em Monchique

"AGORA OU NUNCA"

O final do ano em Monchique vive-se no interior de uma tenda de circo, com aroma a crepe, respirações em suspenso, sons desabridos e palmas de todas as idades. LAVRAR O MAR, projecto de programação cultural em época baixa nos territórios de Aljezur e Monchique, inserido no Programa 365 Algarve, traz ao alto da serra um espectáculo de novo circo para toda a família: “Maintenant ou Jamais” (Agora ou Nunca). O colectivo francês de doze artistas, músicos e acrobatas Cheptel Aleïkoum, Circa Tsuïca faz dos 670m2 de uma tenda de circo tradicional, uma arena para uma festa inesquecível. Em pleno Heliporto de Monchique, números de trapézio, trampolim e acrobacias de bicicleta em equilíbrios instáveis, rompem o espaço e levantam voo, ao som de uma fanfarra entusiástica a que ninguém fica indiferente. Espectáculo virtuoso, imbuído em simultâneo do espírito de união do circo tradicional e de uma imaginação e humor contemporâneos. Uma viagem livre e alegre que nos convence da importância de estarmos juntos para sonhar em conjunto um mundo ideal.

Para ver nos dias 29, 30 e 31 de Dezembro pelas 21h, com duração aproximada de 2h (na noite de passagem de ano, Circa Tsuïca estende o fôlego até após a meia-noite).

O espectáculo "Maintenant ou Jamais" insere-se no LAVRAR O MAR – as artes no alto da serra e na costa vicentina. Diversa, regular e em movimento contrário à sazonalidade, a programação deste projecto funda-se nos elementos naturais distintivos da região e na sua cultura humana, imaterial e ancestral, colocando em diálogo as artes performativas contemporâneas com o conhecimento local.

Toma como paisagem as serras, as praias e as vilas, transformadas em cenários ficcionais para espectáculos de dança música, teatro, performance; imagem, exposições e projectos multidisciplinares.

LAVRAR O MAR integra o programa 365 Algarve e tem o financiamento da República Portuguesa - Secretaria de Estado da Cultura e Secretaria de Estado do Turismo; Turismo de Portugal e Região de Turismo do Algarve, bem como dos Municípios de Aljezur e Monchique. Um projecto Cosa Nostra (Madalena Victorino e Giacomo Scalisi).

Ver Aqui

 

 

Um tornado musical que vem da Polónia para animar Portugal!

Os AbztraQt Sir Q estão de regresso com um tema novo, THE LAKE IN THE MIDDLE OF THE LAKE. O vídeo, foi realizado por Gonçalo Castelo Soares, e está disponível no Bodyspace.net. Este tema faz parte do álbum YARNATI MACHINE que será editado brevemente. Já no próximo sábado dia 5 de novembro, às 20h, na Praça Luís de Camões em Lisboa, vai atuar um dos projetos mais excepcionais da Europa. Venha conhecer o Rebel Babel Ensemble - uma prova que a mistura de idiomas e de diferentes estilos musicais pode resultar numa harmonia verdadeira e positiva.

LISBOA, 03.11.2016 - Rebel Babel é uma banda internacional, onde há espaço tanto para os rappers, poetas e compositores, como para as fanfarras de bombeiros do todo o mundo. Assim se criou a maior Big-Band da Europa, com filiais em muitas cidades do Velho Continente. Agora, este projeto inédito chegou a Portugal e vai conquistar Lisboa com uma mistura energética de hip-hop, funk, jazz e música tradicional.

 

Rebel Babel é marcado por séries de concertos, performances e flashmobs criados para enriquecer a nossa vida diária com  música e, sobretudo, chegar às pessoas com acesso limitado à cultura. Num mundo de conflictos e crises, este projeto prova, que é possível criar arte acima das divisões e fronteiras.

Sustos às Sextas

Depois do sucesso de 2015, voltam os Sustos às Sextas. Em  2016 em março o dia marcado para a iniciativa é o dia 18, no Palácio dos Aciprestes, Avenida Tomás Ribeiro no 18, 2795-183 Linda-a-Velha. Os interessados podem assistir á leitura de Poesia gótica, interpretada por alunos da Escola Superior de Teatro e Cinema, sob a direcção de Mercedes Cabanach, assim como “Ruína e Magia: As Raízes Ocultistas da Literatura Gótica”, por David Soares e a Dramatização do conto de terror “A verdade acerca do tio Timóteo”(Jean Ray). No mesmo dia será ainda inaugurada a Exposição “Occultus”, por Nuno Rodrigues, que estará patente até ao dia 30 de março.

PSP solidária

Comemorações do 47º aniversário da PSP de Lagos

Dia solidário inserido nas comemorações do 47º aniversário da PSP de Lagos superou segundo o comandante Fábio Coelho as espectativas e foi visível que as pessoas de Lagos aderem a este tipo de iniciativas solidarias, foram mais de mil os participantes que se associaram a esta causa cujos valores arrecadados de cerca de três mil euros reverteram para a NECI. Esta iniciativa vem no âmbito da responsabilidade social da PSP que está atenta aos problemas da sociedade. Para além desta caminhada e passeio de BTT, teve também lugar um concerto solidário em que se procedeu a uma recolha de alimentos.

Ouvir entrevista

 

Emissões especiais em abril da Rádio Utopia

Foram Várias as emissões ao vivo da Rádio Utopia no mês de Abril, estivemos no Clube de Ténis do Carvoeiro na angariação de fundos For The Love of Animals, no Dia Aberto da escola Secundária Júlio Dantas em Lagos e na mostra de Doçaria organizada pela Associação de Artesãos do Barlavento em Lagos. Para recordar aqui ficam algumas das fotos.

Ouvir Aqui

Com assinatura de protocolo com a Rádio Utopia

A Associação de Artesãos do Barlavento comemorou no passado dia 29 de Maio o seu quarto aniversário, para celebrar a data reuniu associados amigos e representantes dos órgãos autárquicos lacobrigenses tais como o Presidente da Junta de Freguesia de São Gonçalo e o Vice-presidente da Câmara Municipal de lagos, num almoço de convívio e confraternização.

Vítor Oliveira, presidente da Associação de Artesãos do Barlavento, aproveitou para agradecer todo o apoio que tem sido dado à associação e deu a conhecer as iniciativas que irão ter brevemente tal como a presença na FIA (Feira Internacional do Artesanato) que terá lugar na FIL.

Neste dia foi também assinado um Protocolo de Cooperação entre a AABarlavento e a Rádio Utopia que vem no seguimento do trabalho que tem estado a ser desenvolvido pelas duas entidades.

 

Salto, Guilherme Tomé Ribeiro na Red Bull Music Academy

Guilherme Tomé Ribeiro - AKA: UhAhUh, GPU Panic e metade da dupla fundadora dos Salto - foi escolhido para participar na edição de 2016 da Red Bull Music Academy.  Desde 1998, a Red Bull Music Academy promove um encontro anual que junta músicos de diferentes partes do mundo numa cidade representativa da vanguarda musical e cultural. Este ano, a cidade eleita foi a canadiana Montreal.  São 70 músicos, divididos em duas sessões com 35 membros. Cada sessão tem a duração de 15 dias e Guilherme integra a primeira, a ocorrer entre 24 de Setembro e 7 de Outubro. 

O músico portuense vai ter a oportunidade única de partilhar música, palco e estúdio com músicos de todo o mundo (a edição deste ano conta 38 nacionalidades), aproveitando o momento para ouvir e vivenciar experiências com alguns dos mais importantes músicos e produtores da actualidade. A Red Bull Music Academy 2016 conta com convidados como Iggy Pop, Bjork, Chilly Gonzales, Theo Parrish, Suzanne Ciani, Tiga e Sampha entre muitos outros.

 

Emissão em direto do FIESA

A Rádio Utopia esteve na Fiesa numa emissão em directo que terminou com a actuação de Rui Miguel Estêvão. Este é o décimo terceiro ano do certame que apresenta este ano a sua XIV edição este ano com o seguimento do tema da musica, que será a ultima na actual localização.

Para o próximo ano estão previstas muitas surpresas em local a anunciar. Os visitantes podem ver os seu ídolos e muito mais, aconselhamos uma visita mais ao final da tarde é fantástica a transformação da exposição quando as luzes se acendem.

Uma aventura a não perder é a nossa opinião.

     

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

14º Festival Internacional de Escultura em Areia – FIESA 2016

O FIESA é a maior exposição de escultura em areia já construída e realiza-se desde 2003 em Pêra, no Algarve, atraindo anualmente milhares de visitantes.

O festival é edificado por um conjunto de escultores, de várias nacionalidades, que aqui exploram diversas técnicas de esculpir em areia, produzindo peças originais que se destacam pela magnitude, pela técnica e pela estética.

O FIESA é considerado o maior evento do género em todo o mundo por utilizar quarenta mil toneladas de areia, numa área de construção de 15.000 m2, com esculturas que chegam a atingir os doze metros de altura e reproduzem, com grande detalhe, pessoas, objectos e cenários alusivos a um tema.

Nesta 14º edição são apresentadas cerca de cem cenas em areia que retratam, de forma criativa, músicos, instrumentos e culturas musicais de várias partes do mundo.

 

Go to top