Radio Utopia Player

Cataplana

Um prato que realmente representa a arte gastronómica algarvia é a cataplana, um aromático prato de amêijoas ou outros moluscos, toucinho, e chouriço, cozinhados numa cataplana, uma panela de cobre com uma tampa fixa, de origem moura, característica na região. Este método simples de cozinhar a vapor resulta num dos mais saborosos pratos da região. A Cataplana tal como a conhecemos hoje, começou a ser produzida há muitas décadas na região Algarvia por antigos caldeireiros, mestres na arte de trabalhar o cobre, pelo qual esta região foi outrora muito conhecida.

Deixe as amêijoas e o camarão a descongelar no frigorífico, e tempere a carne com o alho esmagado, sal e pimenta e colorau. Descasque a cebola e corte-as em rodelas finas e refogue-as no azeite com a folha de louro e a malagueta. Adicione o pimento vermelho em tirinhas. Quando começar a querer alourar junte o vinho branco e deixe ferver 2 minutos e retire do lume. Num tacho leve ao lume um pouco mais de azeite e aloure a carne. Vá-as retirando para um prato. Em seguida coloque na cataplana primeiro a carne e por cima as amêijoas e o camarão. Tempere com um pouco de sal, regue tudo o molho de cebola e pimento e espalhe por cima metade dos coentros previamente picados. Feche a cataplana e leve ao lume 15 minutos.

Ingredientes:

(para 4 pessoas)

800gr de carne de porco
0.5kg de amêijoas
0.5kg de camarão
1 pimento vermelho
1 cebola grande
azeite q.b.
sal e pimenta q.b.
colorau
2 dentes de alho
1 folha de louro
1 malagueta seca
100ml de vinho branco
1 molho de coentros


Ver o vídeo

Cataplana

Um prato que realmente representa a arte gastronómica algarvia é a cataplana, um aromático prato de amêijoas ou outros moluscos, toucinho, e chouriço, cozinhados numa cataplana, uma panela de cobre com uma tampa fixa, de origem moura, característica na região.

Sabor do Sul

Este método simples de cozinhar a vapor resulta num dos mais saborosos pratos da região. A Cataplana tal como a conhecemos hoje, começou a ser produzida há muitas décadas na região Algarvia por antigos caldeireiros, mestres na arte de trabalhar o cobre, pelo qual esta região foi outrora muito conhecida.

 

Go to top